31 janeiro 2007

Tiras, quadrados e flores (strips, squares and flowers)



Como disse no meu post anterior já tinha saudades de mexer em tecidos e de coser à máquina. Por isso e porque hoje é quarta feira, dia de se mostrar os WIPs (works in progress) pensei retomar o meu mini quilt que só tinha o topo pronto. Resolvi fazer um backing também com patch. Inicialmente comecei por fazer um pioneer braid border mas depois achei que não se conjugava com o topo.
Comecei depois uns quadrados com tiras e quadrados dos scraps que quero acabar gostei muito mais do resultado. Espero tê-lo pronto até ao fim de semana.
As I said in my previous post, I was missing fabrics and sewing. Because today is WIP day I decided to take back my mini quilt project wich has only the top finished. I thought to make a backing with patches and my first option was a prarie border. But when I saw it I didn’t like the conjugation with the top. I began another backing with strips and squares and now everything works well.



Mesmo sendo este blog de crafts não resisto a pôr aqui algumas fotografias tiradas no Alentejo, na casa da minha mãe, no Domingo passado quando em Lisboa fazia tanto frio.

Last Sunday I was at my mother’s home, in Alentejo where I took this pictures. In Alentejo the weather was bright. In Lisbon, where I live, it was so cold that some snow flakes fall down.



A irmã da minha gata
My cat's sister

29 janeiro 2007

Bules e pontos (teapots and stitches)

Antes
Before


Depois
After
Estou a meio caminho de acabar a série. O terceiro bule está acabado e mais dois escolhidos. O próximo é um bule inglês Mason's cujo esboço também está pronto.
Half the way is done. The third teapot is finished and two more are chosen. The next one is a Mason's british teapot.



Neste projecto não segui estritamente as regras do Redwork. Empreguei outros pontos para além do clássico ponto pé de flor e o tecido encorpado de algodão foi substituído por linho cru. Embora alguns pontos sejam por mim adaptados, consulto muitas vezes o "Embroidery, skills and technics" , uma espécie de mostruário de pontos também muito útil para quem faz crazy quilt.

In this project I didn't strictly follow the redwork rules.I applied other stitches besides the classical stem stitch and I substituted the heavy cotton fabric by raw linen. I adapt some stitches but I use to consult the "Embroidery, skills and technics" a kind of stictch library, very useful for embroidery and crazy quilting.


A propósito, tenho saudades da minha máquina de costura. Amanhã quilt, quilt, quilt.

By the way, I miss my sewing machine. Tomorrow quilt, quilt, quilt.

27 janeiro 2007

Bules e tentações (teapots and temptations)

Segundo bule acabado. Ponto lançado, ponto pé de flor, ponto margarida.
Second teapot finished. Straight stitch, stem stitch, laizy susan stitch.


O terceiro bule é um clássico, pela sua forma bojuda e baixa.´
Por baixo alguns tecidos comprados na sexta feira. Como a maioria das quilters deste mundo, nas minhas resoluções de ano novo, também decidi fazer uma "dieta de tecidos". Mas quem resiste à tentação destas cores já a anunciarem dias de cores mais vivas?
The third teapot was chosen for its classical round and short shape.
Underneath some new fabrics bought last friday. As most of the quilters in this world, I decided to make "fabric diet" for a while. But how can anyone resist to this colours temptation, announcing brighter days coming soon?

25 janeiro 2007

Twins


É o segundo bule da série. Muito diferente do modesto bule de Sacavém, este bule é mais sofisticado, de cor nacarada e linhas elegantes. Em porcelana de Limoges. Não sei a data de fabrico mas parece-me do estilo art-déco (ou uma reprodução).
Um abraço à minha amiga Paula que conseguiu este e alguns outros bules, em renhidas licitações no e-bay francês

This is the second teapot of the series. So much diferent from the modest Sacavém teapot. This one is sofisticated, with a nacreous colour and elegant design. Limoges china. I don’t know when it was produced but it seems to me art-déco stlyle (or a reprodution).
A hug to my friend Paula who got me this teapot and some other in french
e-bay after a hard bids fight.

24 janeiro 2007

Em andamento (WIP)


Terminei o primeiro bule da série de seis previstas. Na execução do bordado usei ponto pé de flor e ponto atrás.

The first teapot of the teapot series is finished. The stitches employed were back stitch and stem stitch.

Para o patchwork os tecidos já estão escolhidos mas o modelo dos patchs ainda não está pensado.
Amanhã um novo bule. Limoges desta vez.

For the patchwork, fabrics are already chosen but I didn't think about the patch pattern yet. Tomorrow another teapot. Limoges this time

23 janeiro 2007

Antípodas (Antipodes)


Mais do que quilts este livro é a história das mulheres australianas e de como os quilts influenciaram a sua vida. Como as condenadas britânicas, cujos quilts feitos durante a longa viagem foram o suporte para iniciarem uma nova vida. Mas para além de tudo mais este livro mostra magníficos quilts caracteristicamente australianos.
More than quilts this book is about histories of women and how quilts influenced their lifes.
Like the convicted women who made quilts during the long journey to the new continent. For many of them the profit from quilts sale was the beginning of a brand new life.
Inside the book there can be found excelent pictures of antique and modern artistic quilts.

22 janeiro 2007

Hora do chá (tea time)

Gosto de bules e tenho uns quantos que tenho comprado ao longo do anos, ou que me têm sido oferecidos por amigos que sabem desta minha mania. Bules foram a inspiração para o projecto do painel de parede a que dou início esta semana.


I love teapots and I have a few. Some were bought through the years and others were gentle gifts from friends, knowing my teapot addition. Teapots were the inspiration for this wall hanging project starting this week.


O primeiro esboço da série é um pequeno bule da fábrica de louças de Sacavém, com um ar muito naife.

The first sketch of the series, is an old ceramic teapot from “Fábrica de Louças de Sacavém” an extint portuguese factory.




Vou misturar redwork com patchwork e quilting e espero conseguir um resultado pouco convencional. Os materiais a serem usados são o linho cru e o perlé, para o redwork. Os tecidos para o patchwork ainda não foram escolhidos.

I will mix redwork with patchwork and quilting hoping to get an original result.
For the redwork I will use raw linen and perle cotton thread. Fabrics for the patchwork are not chosen yet.

21 janeiro 2007

Chitas de Alcobaça (Alcobaça's fabrics)








A chita de Alcobaça era antigamente usada apenas pela mulheres mais pobres. Como era um tecido modesto as cores eram vivas e os padrões alegres. Os temas mais comuns eram os pássaros, as frutas e os frutos exóticos e as cornucópias. Hoje só se encontram restos destes tecidos em algumas lojas mais antigas. Foi o caso destes quatro retalhos, comprados em Sintra, numa loja junto à estação.
"Chita de Alcobaça" is a portuguese fabric. In the past it was used by poor women to make their blouses and dresses. Bright colours and joyfull patterns were used to emblish "chita" as it was a very modest fabric . The most commom patterns were birds, exotic flowers, exotic fruits and cornucopias. Today "chitas" can only be found in old shops as these four I found in Sintra.

19 janeiro 2007

Mini-Quilt (4)




Finalmente está pronto o top do mini quilt. O projecto do border não foi exatamente seguido à risca porque à última hora me agradou mais esta ideia que a inicial.

Finally, the mini-quilt top is finished. The border project was not strictly followed. Piecing the the border I found this idea much more interesting than the first one.



É sempre bom ter alguém para ajudar

It's always nice to have someone to help

18 janeiro 2007

Blue mood


Depois de iniciar aqui os progressos do mini-quilt lembrei-me de mostrar este quilt, acabado mesmo antes de iniciar este blog.
Não é por coincidência que também é em tons de azul. Trata-se de uma das resoluções que vem do fim do ano velho e espero continuar cumprir em 2007. Tentar desbastar ao máximo os retalhos antes de começar um projecto não scrap.
Mas prometo um arco íris no fim de semana
After my posts about mini-quilt progress, I thought it would be nice to show this scrap quilt, finished just before the start of this blog.
It's not a coincidence two blue scrap quilts. It is a strong resolution to get rid of all the scraps (I hope most of them) before I start a brand new project.

16 janeiro 2007

Talego (scrapbag)








Sem modelo nem padrões, os talegos eram feitos dos retalhos que havia e com a imaginação de cada um. Até se usavam pedaços da roupa velha, onde ela estivesse menos coçada. Mas podia-se sempre dar-lhe um ar mais janota, rematando com uns biquinhos. Este talego foi feito com a mesma técnica e simplicidade dos da minha avó.
Este tipo de acabamento é também usado no quilt americano. Os prairie points são uma forma de acabamento bastante usual e a sua execução muito simples.

15 janeiro 2007

Em lume brando


Módulo executado na técnica do english paper piecing (EPP). Cada hexágono tem cerca de 3 cm. É uma técnica de patch manual demorada, mas muito portátil. Desde que se preparem com antecedência os materiais (em breve um tutorial) é um trabalho que se pode levar para qualquer parte.

É o modelo mais comum do EPP multiplicado em obras de arte, em cores brilhantes, em novas formas.

Iniciado há meses, não antevejo ainda o fim deste projecto. Será mesmo uma obra de preserverança.

14 janeiro 2007

Green squares

Este é um exemplo de como um projecto nunca é definitivo. O top deste quilt começou por feito para ser o backing de um outro projecto. Gostei tanto das cores, apesar da simplicidade da técnica do patch, que achei que merecia ter um lugar próprio

Mini-quilt (3)


O fim de semana não foi muito produtivo. Babysteps para a execução deste border.

12 janeiro 2007

Mini-quilt (2)





Depois de várias tentativas de projectar o border do mini-quilt, com rectângulos e quadrados, cheguei aqui.

Quase sempre chego à conclusão que soluções simples resultam melhor.

11 janeiro 2007

Inspirações




O que não falta são livros de quilt.
Mas este é particularmente bom. Pela técnica, pela criatividade e pelo domínio da côr. Tudo construído a partir de uma técnica, à primeira vista simples. De acordo com o título, é mesmo para quem gosta de juntar trapinhos.
Um abraço para a minha amiga M.C. que, nas suas deambulações lá por fora, se lembrou desta scrapaholic, quando o avistou numa prateleira.




10 janeiro 2007

Mini Quilt








Algumas das fases de um projecto. O ninepatch é um modelo adequado ao aproveitamento daqueles bocadinhos que nos estão sempre a sobrar.
Nesta fase ainda há muito por decidir. No border não me agrada muito esta primeira ideia de misturar triângulos e quadrados neste modelo. Border múltiplo ou simples? Backing em patchwork ou numa só folha? E por fim o desenho e técnica do quilt. A ver vamos.

09 janeiro 2007

Coaster







Dos pontos que dou grande parte é na feitura de quilts. Grandes para aconchegar ou pequeninos, como estes, para dar cor e conforto às rotinas.



As ilhoses permitem melhor arrumação.



Versatilidade. Como pega ou tabuleiro ou...



02 janeiro 2007

Decisões do ano novo

Um blog sistematicamente adiado. Perfeccionismo só empata. O ano novo foi o motor de arranque para iniciar finalmente as postagens.

Agora só resta melhorá-lo step by step contando com a tolerância de quem o quiser acompanhar.