17 junho 2014

O turno da noite



Uma vez por quinzena há uma aula de patchwork "fora de horas" na Dotquilts. É admirável o entusiasmo, a alegria e o empenho com que as alunas desta aula se dedicam aos seus trabalhos, depois de um dia de trabalho intenso.

Foi nestas aulas que a Maria de Lurdes P. fez o seu primeiro quilt. Queria fazê-lo simples, com cores frescas e onde se combinassem estampagens florais e geométricas. Nada melhor para quem se inicia no patchwork que um charm pack com uma enorme variedade de padrões e de cores, todos eles coordenados. Neste caso foi escolhida a coleção Sunny Side, de Kate Spain, por is de encontro às cores e padrões
pretendidos.




Depois foi só misturar, repartir, mudar até encontrar a disposição mais apetecível.
Fazer patchwork é muito mais que costurar, é voltar a ser criança e brincar outra vez!

3 comentários:

Filipa Farrôpo disse...

Olá Luisa!
Gosto imenso de quilts e já tentei começar um várias vezes... acaba por ir parar ao cesto dos projetos inacabados! Ao ver estas fotos, fiquei com vontade de recomeçar.
Beijinhos!

Drika Sanz disse...

Que lindo!!!
Ficou show! Realmente patchwork é muito mais que costurar.
Parabéns!

Sandra Oliveira disse...

Que trabalho lindo :)