27 janeiro 2011

O tricot das quartas feiras


Há muito para dizer do tricot das quartas feiras.
Nos primeiros encontros começámos por um projecto comum, preparado pela Margarida que nos ajudou todas a fazermos boinas e boinas com cinco agulhas. A maioria aproveitou para as oferecer no Natal e foram um sucesso.
Para além de executarmos  projectos individuais, começámos também a partilhar os saberes que cada uma traz consigo e que pode ser uma técnica, uma malha, uma revista, uma peça tricotada.
 Hoje foi a vez da Ana Paula nos trazer a técnica do crochet tunisino que é tão bonito como simples e que nos conquistou a todas. Antevêm-se mantas, cachecóis, malas em ponto tunisino, nos próximos tempos.
Das malhas antigas, que tantas vezes fizemos ou vimos fazer, começámos uma recolha e registo numa tira de pontos. A Ana Luísa já nos ensinou a malha espinha de bacalhau (ou de parafuso), eu ensinei a malha inglesa e as variantes malha de pérola e inglesa "fingida" e também os favos de mel e a malha de grosa. Muitas outras já estão programadas.
A Teresa traz-nos sempre um miminho, quer seja aquela revista com modelos irresistíveis quer seja umas luvinhas tricotadas pela mãe há muitos anos.
Num espaço que já é pequeno para tantas, o tempo passa a correr. Mas para a semana há sempre mais uma quarta-feira.
E ao mesmo tempo que decorria o nosso encontro aconteceu outro a milhares de quilómetros de distância, com um grupo "irmão" do Pico com quem vamos partilhar ideias e projectos. Daqui um grande abraço para todas.

As quartas feiras de tricot na Dotquilts não ficam por aqui. A partir da primeira semana de Fevereiro a Rosário Albuquerque vai dar todas as quartas feiras, uma aula de tricot, das 10h às 13h. 
E vamos começar da melhor forma:
Para o início das aulas de tricot, o colete será o mote. Com esta peça prática, confortável e de rápida confecção, vamos aprender várias técnicas indispensáveis a quem quer tricotar para vestir.
Começaremos por desenhar o modelo, escolher o material e apurar as medidas.
Cada pessoa escolherá como quer o seu colete: mais simples ou mais complexo, maior ou menor e quais as técnicas a utilizar.
Vários são os começos possíveis: canelados, em picot, em "rolinho", se é cintado, decote em V ou redondo...
Tudo à medida e ao gosto de quem tricota. R.A.

Aliciante não acham?

15 comentários:

Nina Dias disse...

Olá Luisa, como vai? Que boinas lindas, minha filha quer uma,estou procurando uma receita que não seja difícil de fazer. Acho o croche tunisiano lindo e fica tão diferente dos outros pontos, beijos e boa semana, Nina

Virgínia disse...

Muito aliciante!! Um abraço**

Açor disse...

Bom dia!
Adorei a boina! Quero mtambém agradecer as simpáticas palavras sobre nós... o grupo "irmão". Vamos tentar levar a bom porto tudo isto. Ah, por estas bandas ao ponto tunisino chamamos-lhe ponto de caranguejo, talvez porque anda para trás... Força!

sandra disse...

Tanta coisa que se pode aprender! Quem me dera morar mais perto!

fiosdepalha disse...

Que pena viver tão longe! Por aqui não tenho ninguém que me acompanhe no tricô.

Anónimo disse...

Para as aulas já tem que se ter experiencia? O preço é por mes ou semanal? Obrigada e boa sorte!

Beth disse...

Inspiradores os trabalhos! Não sei de tricot nada além dos pontos básicos,e nada perfeitos como os trabalhos mostrados...Quem sabe um dia aprendo! Mas por hora só posso ver as lãs em fotos pois aqui está 35 graus!

Regina disse...

Estou aqui passeando no seu blog e me encantado com tantos trabalhos de tecnicas diferentes. Mas todos tem em comum a perfeição, o detalhe e a beleza. Junte-se tudo isso a um texto muito bem escrito e agradavel de ser lido e devo dizer que foi um passeio muito agradável andar por aqui. Bjsss

Jussara Machado disse...

Olá Lisa,
estou visitando vc pela primeira vez, e já estou apaixonada pelos trabalhos que vi por aqui.
Amo de paixão a sua terra, um dia vou visitá-los.
Beijos
Jussara

Ana V. disse...

Fantásticos trabalhos, pena que 300kms nos separem!

Nile e Richard disse...

Oi Luisa.
Sua boina está muito bonita.
Infelismente moro muito longe.
Mas tudo de bom para voce.
bjtos.Nile.

Ana Barata disse...

aliciante, mesmo! Ainda posso engrossar esses encontros?
obrigada, bjs

Anónimo disse...

Eu adoro estes encontros às quartas-feiras. Trocam-se saberes e descobertas num ambiente muito agradável.
Obrigada Luísa, são encontros que nos equilibram o estado de espírito.
Beijo
Até à próxima 4ª feira.
Ana Paula

Maria disse...

Olá! Os meus parabéns pelos exemplares aqui mostrados, no entanto era muito bom que partilhasse dicas como aprender, como por exemplo as boinas, a malha espinha de bacalhau, que também já a fiz há muitos anos atrás, mas que já nem me lembro.

Dina

Maria disse...

Olá! Quando li este post, fiquei logo aos pulos... pois li Pico, será que li bem, será que é mesmo o que quer dizer? Será ilha do pico?

Bjs,

Maria